Artigo – Aumento de imposto é a solução?

Artigo

Por Ricardo Valério Costa Menezes

(Presidente CORECON/RN)

Aumento de imposto é a solução?

População menos privilegiada é quem paga a conta

Aumentar impostos sobre combustíveis no momento em que a economia iniciava discretos sinais de retomada do crescimento e com a inflação em queda se dá  muito mais pela forte recessão do que pelos acertos na condução da política econômica. É algo totalmente condenável. O nefasto aumento dos tributos e os contingenciamentos de recursos anunciados de R$ 5,9 milhões e que já acumulam R$ 44,9 milhões pode afetar o desempenho da economia como um todo, além de piorar a qualidade dos serviços públicos (entre eles, a saúde, a educação e a segurança).

Os impactos dos R$ 0,41 e R$ 0,21 sobre a gasolina e o diesel, respectivamente, irão repercutir fortemente no repasse dos preços sobre os transportes particulares e de cargas. E no nosso país, mais de 80% dos produtos que chegam às mesas das famílias brasileiras são através do transporte rodoviário. Ou seja, vai refletir nos demais setores.

 

Foto: Elpídio Júnior

Leia Mais

Artigo: O setor terciário no município de Pedro Velho/RN

 

Por: Osmar Faustino de Oliveira
(Economista graduado pela UFRN
Mestrando em Desenvolvimento Urbano – UFPE)

osmarfaustino@yahoo.com.br

O Produto Interno Bruto da economia, está concentrado no setor de serviços. O município de Pedro Velho possui um forte agrupamento neste setor. O município conta com um forte apoio da prefeitura municipal, pois emprega grande parte da população. A cidade também conta com um forte empregador de mão-de-obra, que são os pequenos comércios e supermercados. O município conta dez estabelecimentos. O setor terciário mostra crescente relevância na economia brasileira, ao evoluir junto com o aumento da renda e o desenvolvimento econômico e social verificados nos últimos anos, bem como ao constituir setor fundamental de expansão das atividades empresariais. A evolução do PIB brasileiro tem sido influenciada significativamente pelo setor terciário.

Confira artigo na íntegra: O setor terciário no município de Pedro Velho

Professor de economia da UERN tem artigo publicado no periódico indiano “Review of Agrarian Studies”

O professor Joacir Rufino de Aquino, do Curso de Economia da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte – UERN/Campus de Assú e Delegado do Conselho Regional de Economia- CORECON/RN, é um dos autores do artigo “Recent Social Policies and Rural Development in Brazil: The Family Allowance Programme in Rural Areas”, publicado na edição do primeiro semestre da “Review of Agrarian Studies”.

Leia Mais

“XVII Prêmio RN de Economia – 2017” tem número record de inscrições

As inscrições para o “XVII Prêmio RN de Economia – 2017” foram encerradas nessa segunda-feira (10) e com registro de número record de participantes, desde a sua implementação há 17 anos. Ao todo, o Conselho Regional de Economia do Rio Grande do Norte – CORECON/RN recebeu 12 trabalhos com nível de excelência para concorrer a premiação do Concurso de Monografia que oferece um total de R$ 3.500 reais. Serão concedidos aos três melhores trabalhos em valores brutos: 1º Lugar R$ 2.000,00 ; 2º Lugar R$ 1.000,00  e 3º Lugar R$ 500,00.