Corecon/RN apoia e participa da Câmara de Mediação e Arbitragem Empresarial.

Em reunião realizada na  semana passada, entre o Presidente do Corecon-Rn, Ricardo Valério Menezes e o presidente da Federação das Associações Comerciais do RN, Itamar Manso Maciel, com a participação do assessor jurídico da Câmara, advogado Alexandre Guerra Porpino Dais Júnior,  ficou firmado que o Conselho Regional de Economia será uma das entidades apoiadoras e participantes da Câmara Brasileira de Mediação e Arbitragem Empresarial,com sede em Brasília, a qual tem representação em quase todos Estado do Brasil. Aqui no Estado, uma louvável iniciativa do Presidente da FACERN, Itamar Maciel, que tem como Presidente da unidade da Câmara de Mediação e Arbitragem do RN, o Economistas Daltro  Freire de Paiva, Conselheiro do Corecon/RN e também diretor do Sindecon/RN.

Para o Presidente Ricardo Valério, essa é a segunda iniciativa que o conselho toma em relação às medições e arbitragens extrajudiciais. Haja visto que uma Câmara de Mediação funciona em nosso Conselho, e agora, serão somadas e fortalecemos as atenções com foco nas Câmaras. “Acreditamos que seguramente nos próximos 5 anos o instituto da Câmaras de Mediação e Arbitragem, irá dominar o mercado dos conflitos e litígios de diversas naturezas, que atualmente lotam os tribunais com mais de 110 milhões de ações, muitas delas com uma média de 6 a 8 anos para a resolução dos conflitos judiciários”, ponderou, o Presidente do Corecon/RN.

Pela via das Câmaras de Mediação e Arbitragem, os conflitos quando bem mediado, podem ter rápidas resoluções em média de 45 a 90 dias, e com a vantagem de ser muito menos oneroso. Sem contar, que após acordado, entre as partes, se obtém sentença arbitral irrevogável, não sujeita a contestação em segundo ou terceiro grau, como ocorre nas sentenças judiciais.

Muito em breve o Presidente da FACERN, Itamar Maciel e demais parceiros vão anunciar a programação de cursos sobre Mediação Arbitragem que serão ministrados durante o ano de 2019 em Natal/RN.

“Sem dúvida nenhuma, a Câmara está comprometida em contribuir na construção de relações mais harmônicas entre empresas e a sociedade civil, difundindo e incentivando a adoção dos métodos Extrajudiciais de soluções de conflitos, compartilhando experiências e multiplicando os resultados obtidos”, afirma confiante o Presidente da FACERN, Itamar Maciel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website