Cofecon lançará Ano Celso Furtado e empossará diretoria para 2020

O Conselho Federal de Economia realizará, no dia 30 de janeiro, a solenidade de lançamento do “Ano Celso Furtado”, em homenagem ao centenário de nascimento do grande economista brasileiro. O evento ocorrerá em Brasília, no Hotel Nacional.

Na ocasião, serão empossados o presidente do Cofecon, professor doutor Antonio Corrêa de Lacerda, e a vice-presidente, Denise Kassama Franco do Amaral, ambos com mandato em 2020. Os conselheiros federais eleitos para o triênio 2020/2022 também assumirão o cargo publicamente.

Conselheiros Efetivos: Carlos Alberto Safatle, Maria de Fátima Miranda, Mônica Beraldo Fabrício da Silva, Paulo Roberto Polli Lobo, Waldir Pereira Gomes e Wellington Leonardo da Silva.

Conselheiros Suplentes: Aldenir Gomes de Paiva, Carlos Eduardo Soares de Oliveira Júnior, Fabíola Andréa Leite de Paula, Marcelo Pereira Fernandes, Maria do Socorro Erculano de Lima e Omar Corrêa Mourão Filho.

Após a solenidade, haverá o lançamento do livro “O mito da austeridade” (Editora Concorrente), organizado por Antonio Corrêa de Lacerda. Além do organizador, o livro tem como autores os economistas Ladislau Dowbor, André Paiva Ramos, Mariana Ribeiro Jansen Ferreira e André Luis Campedelli.

Sobre o Ano Celso Furtado

O economista paraibano Celso Furtado completaria 100 anos em 2020. Nascido em Pombal-PB, foi um dos principais pensadores da Ciência Econômica. Suas ideias e obras permanecem atuais; são difundidas no Brasil e no mundo e contribuem para a formação de novas gerações de economistas. Como forma de celebrar sua vida e ensinamentos, o Conselho Federal de Economia instituiu 2020 como o Ano Celso Furtado, com a realização de diversas atividades durante o período. Fonte: Cofecon

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website