Corecon-RN Observatório Covid-19: Que a união seja mais “contagiosa”

Diante do cenário tumultuados e sombrio de Brasília, somente nos restar orar e cobrar para que as vaidades dos políticos de uma forma geral, não importa se direita, esquerda ou o tal novo centrão, parem para refletir que temos uma ameaça forte e um inimigo único que o Coronavírus, dizimando o mundo todo.

Assim, temos que deixar de lado as vaidades e a gana pelo poder, para que todos percebam que não existe donos da verdade, pois estamos diante de um inimigo invisível, ágil e desconhecido. Na realidade, não existem verdades cientificas ainda comprovadas e sim prováveis hipóteses.

Desta forma, nem o Planalto sabe e tudo pode como muitas vezes quer impor, e nem o Congresso e o Judiciário, tem que se opor a tudo. Temos que unir as forças dos três poderes e ver possíveis pontos convergentes para combater o vírus, ou a pandemia vai aproveitar dessas nossas fraquezas e continuar avançando em cima das chagas das vaidades políticas por demais já conhecidas. Se os grupos e tendências políticas continuarem cada um dentro de suas soberbas e intolerâncias de ambos lados, vamos continuar contaminando e pregando a discórdia, e deixando nosso gigante brasil continental, esfacelado e vulnerável ao ataque dos vírus.

Apelo mais do que nunca, para que a união seja mais “contagiosa” do que o “vírus”.

Por Ricardo Valério Costa Menezes
Economista Presidente do Corecon-RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website