Páscoa com sabor mais amargo

Nesta sexta-feira (2) Santa, o Superintendente do Corecon-RN, o economista Ricardo Valério, no jornal RN 2ª Edição/Intertv comentou sobre o momento vivido neste período de páscoa. Logo na abertura deixou claro as dificuldades enfrentadas pelos consumidores e comerciantes: “Com toda certeza teremos uma páscoa menos doce este ano, e o varejo vai ter se contentar com um resultado mais para meio amargo do que para as doçuras dos chocolates”, frisou Ricardo.

As pesquisas da Confederação Nacional do Comércio sinalizam o menor resultado desde de 2008, com exceção dos supermercados que terão vendas ainda em alta, pois muitos consumidores vão as compras nas grandes redes.

As restrições de acesso às lojas especializadas em chocolates, vão incentivar o comércio digital, mas com toda certeza teremos uma queda nas vendas já sinalizada pelo CNC de 2.2% menor do que 1.6 bi de 2020 e não só no mercado de chocolates, mas também nos demais produtos da semana santa e da páscoa, como nos pescados, vinhos e ovos de páscoa.

O Superintendente do Corecon-RN, sugeriu aqueles que gostam de presentear: “Se seu presenteado concordar, uma dica importante: deixe para presenteá-los somente no domingo a tarde ou na segunda-feira com ovos de páscoa, pois você comprará o mesmo com cerca de 50% ou mais de descontos. Outra dica e até uma recomendação aos nossos consumidores: Procurem dar preferência a comprar ovos artesanais e caseiros.

Além de serem muitos saborosos e com maior teor de chocolate você vai está contribuindo com um empreendedor local e gerando a circulação da renda em seu próprio estado e valorizando centenas de produtores caseiros”, explicitou Ricardo Valério.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website