Doar sangue: ato de solidariedade cristã

Não há dúvidas que, talvez, o ato de doar sangue seja um dos maiores gesto de solidariedade cristã, pois a ação se torna sublime em sua objetividade de salvar vidas humanas, na qual uma pequena porção de sangue pode salvar muitas pessoas de todos os credos, cor, raça e gêneros que se submetem a tratamentos e intervenções médicas de grande porte e complexidade, como transfusões, transplantes, procedimentos oncológicos e cirurgias.

O ex-Presidente do Corecon-RN, Wagner Puerta, é doador de sangue e a frente do Conselho fez campanhas bastantes junto aos economistas, familiares e toda a comunidade. Entretanto, Wagner tem um histórico extremamente robusto que serve de exemplo a todos:

“Eu sou um brasileiro, já doei sangue no RN, em SP, no RJ, no PR e no DF. E estou bombando de saúde, disposição.

Hoje (16 de abril), voltei a doar sangue. O irmão de uma amiga foi diagnosticado com câncer no pâncreas. E a família pediu doação.

Às pessoas dizem que irão orar, irão pedir pra Deus, irão pedir para os anjos, irão …. Irão…. irão, mas na hora de levar um espetinho de nada e doarem o sangue da vida …. Ah! Aí todo mundo fica quieto”, explicitou o ex-Presidente.

Mas, Wagner se diz, hoje, decepcionado com o baixo estoque dos bancos de sangue e a pouco procura para doações, deixando as pessoas que necessitam em situação de aflição: “Me sinto feliz por ser o primeiro presidente a incentivar a doação de sangue”.

Regras e requisitos para doar sangue são:

  • Idade: entre 16 e 69 anos (pessoas acima de 60 anos só podem doar se já tiverem doado antes dessa idade, menores de 18 precisam estar acompanhados de responsáveis ou com formulário de autorização)
  • Peso: mínimo de 50 kg
  • Repouso: ter dormido no mínimo 6 horas nas últimas 24h
  • Alimentação: evitar jejume alimentos gordurosos nas últimas horas e em casos de ter tido refeições fartas no almoço ou jantar, doar após 3 horas
  • Documentos: apresentar documento de identidade original com foto atual, emitido por órgão oficial (RG, Carteira de Habilitação, Carteira de Trabalho ou Previdência Social)
  • Bebidas: não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas
  • Fumo: não ter fumado tabaco por no mínimo 2 horas antes da doação
  • Exercícios: não ter praticado exercícios físicos exagerados nas últimas 24 horas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website