Robespierre do O’ fala sobre aumento de preços da cesta básica em Natal

Nesta quarta-feira (16), o Diretor do Sindecon-RN, economista Robespierre do O’Procópio, falou ao jornalista Murilo Meireles e Paulo Martin para o Bom Dia RN, da IntertvCabgi, oportunidade em que versou sobre a alta de preços dos alimentos da cesta básica e sugeriu aos consumidores dicas de como fugir dos preços mais caros substituindo produtos por outros mais baratos…

Natal, entre as 17 capitais brasileiras pesquisadas, teve o maior índice de aumentos de preços. O gás de cozinha, gasolina, pão dentre outros. A farinha sofreu majoração de 6,5%, carne 2,54%, manteiga 2,37%, café 2,06% e mais outros variados produtos que pressionaram a alta da cesta básica em 4,9%, entretanto o tomate foi o grande vilão do mês de maio registrando aumento recorde de 40,37%.

Perguntado se haveria no horizonte perspectivas para baixa dos preços, o economista foi preciso: “O mercado financeiro trabalha com a previsão de queda da inflação para o ano que vem, esse ano o Banco Central está trabalhando coma meta de 5% e para o ano que vem 3,6% e para o ano seguinte 3%. Ele acha, a expectativa é que os preços se acomodem”, afirmou Robespierre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website