XXIV Congresso Brasileiro de Economia!

O evento mais tradicional de Economia do Brasil vem aí! Você já fez a sua inscrição?

O XXIV Congresso Brasileiro de Economia acontecerá entre os dias 08 a 10 de setembro, em formato virtual. São mais de 100 palestrantes distribuídos em 80 horas de programação. Palestras, mesas redondas, workshop, encontros temáticos, premiações, apresentação de trabalhos científicos e muito mais para você ficar por dentro das principais discussões sobre a nossa conjuntura econômica! Leia Mais

Novo Retrato da Agricultura Familiar

Na região semiárida brasileira, as políticas públicas têm um importante desafio na promoção do desenvolvimento sustentável, principalmente, em termos de redução da pobreza, mitigação de impactos da mudança climática e garantia de segurança alimentar. Para tal, é importante estabelecer o foco nos grupos fragilizados e nas situações de falhas de mercado. Nesse contexto, o presente documento foi elaborado para orientar os agentes públicos e a sociedade civil quanto a caracterização, as contribuições, limites e desafios da agricultura familiar do Semiárido Nordestino. Leia Mais

Robespierre: brasileiro tem que fazer malabarismo para o orçamento caber dentro da renda

Na tarde, da última quinta-feira, dia 19, o economista Diretor do Sindicato dos Economistas do Rio Grande do Norte – Sindecon-RN -, Robespierre do O’Procópio, concedeu entrevista para o programa 12 em Ponto 98, da rádio FM 98, de Natal, capital potiguar, com os jornalistas Thiago Rebolo e Ana Karina Castro.

Pesquisa do IBGE revela que para 72% das famílias brasileiras não conseguem chegar até o final do mês com o dinheiro recebido, para cada 10 famílias 7 o dinheiro não dá para pagar todas as contas do mês, fazendo com que estas famílias empurrem suas dívidas para frente ou fazer malabarismos para não caírem no fosso inevitável da inadimplência.

“Realmente é uma realidade que o Brasil está passando hoje, depois da crise econômica que ele veio de 2015 pra cá, a renda do brasileiro vem reduzindo. Aí requer dos brasileiros uma certa, um malabarismo para poder conseguir fazer, a renda, o orçamento se encaixe dentro da renda”, explicitou, Robespierre.

Economista Robespierre fala sobre renda do trabalhador na pandemia

O economista, conselheiro do Corecon-RN e Diretor do Sindicato dos Economistas do Rio Grande do Norte – Sindecon-RN -, Robespierre do O’Procópio, em entrevista para Tv Tropical discorre os pontos positivos e negativos no que se refere a renda do trabalhador durante este período da pandemia.

Segundo o IPEA – Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, a renda do brasileiro entre maio e junho do ano passado aumentou 8,6%, porcentagem atribuída ao Auxílio Emergencial do Governo Federal: “A pandemia ela pesou negativamente e positivamente. Positivamente porque ela num primeiro momento aumentou a renda do trabalhador, muitos trabalhadores ficaram desempregados e, na hora que ficaram desempregados tiveram acesso ao Auxílio Emergencial, isso aumentou a renda e aqueles que não ficaram desempregados acaba tendo um certo aumento de renda…”, pontuou, Robespierre.

Desafios para uma nova geração de políticas de agricultura familiar

Por Arilson Favareto e Joacir Rufino de Aquino

Enfrentar a ‘dívida digital’ existente no campo brasileiro deve ser prioridade na luta contra a pobreza rural. Nas áreas rurais, a internet e as tecnologias da informação ainda são bens escassos.

23/08/2021

A agricultura familiar é uma forma de produção e trabalho bastante presente no campo brasileiro. Conforme o último Censo Agropecuário do IBGE, o segmento representa 77% dos estabelecimentos rurais do país, gera ocupações para mais de 10 milhões de pessoas e responde por parcela expressiva da oferta de alimentos básicos consumidos pela população. Leia Mais

A Capacitação Virtual de Funcionários do Sistema Cofecon/Corecons

 

A vice-presidente do Cofecon, Denise Kassama, tem um CONVITE para todos vocês! A Capacitação Virtual de Funcionários do Sistema Cofecon/Corecons acontece nos dias 19 e 20 de agosto (próxima quinta e sexta-feira). A ideia é que todos os funcionários, prestadores de serviços, estagiários e conselheiros federais e regionais participem! Durante o evento, realizaremos a apresentação de projetos de Boas Práticas dos Corecons, com premiação de R$ 5.000 ou um notebook para o Corecon e um smartphone para o funcionário que apresentar a proposta. A partir do alinhamento das ações, esperamos nos tornar ainda mais fortes, falando a mesma língua, desenvolvendo as atividades com o mesmo padrão, trabalhando sempre no impacto positivo da Economia no nosso país. Contamos com vocês! Acesse, confira e inscreva-se! https://cofecon.org/funcionarios/